Viajar e viver e Curitiba: sinônimo de ter qualidade de vida

Procure qualquer Top 5 das cinco melhores capitais do Brasil pra se viver. A Capital Paranaense sempre estará presente. Provavelmente encabeçando as primeiras posições. Morar em Curitiba é sinônimo de ter qualidade de vida. Seja você nascido na cidade ou recém-chegado. E o MeuLugar vai te mostrar por que.

Urbana e sustentável

Apesar de ser uma metrópole, Curitiba é conhecida por sua infraestrutura urbana. Organizada e limpa, a cidade tem um sistema de transporte eficiente. E o trânsito costuma fluir bem.

Muito arborizada, a cidade foi eleita no ano passado a metrópole mais sustentável do Brasil, de acordo com um estudo internacional. A Capital Paranaense foi campeão por oferecer acesso à habitação, água, saneamento básico e eletricidade à maioria da população.
Parques

A cidade é considerada uma das mais verdes do Brasil. Morar em Curitiba significa ter acesso a mais de 30 parques. Todos muito bem cuidados. Conheça aqui alguns:

Jardim Botânico

Ocupa uma área total de 278 mil metros quadrados, onde está o bosque com mata atlântica preservada. É lá que fica a famosa estufa de vidro, principal cartão postal de Curitiba. Construída em estilo Art nouveau, foi inspirada no Palácio de Cristal de Londres, do século XIX.

Parque Barigui

Localizado no bairro Bigorrilho, é um dos mais procurados pelos moradores da cidade. Cortado pelo rio Barigui, tem mais de 1,4 milhão de metros quadrados de atrações ao ar livre. Entre elas um lago onde é possível avistar com frequência famílias de capivaras às margens.

Parque Tingui



Com 380 mil metros quadrados, também está entre os preferidos de quem mora ou escolheu morar em Curitiba. Repleto de áreas verdes, é sede, também, do Memorial Ucraniano, uma homenagem aos imigrantes que chegaram à cidade no final do século XIX.

Parque Tanguá

É um dos mais belos da cidade. Os 235 mil metros quadrados de área verde têm como maior atração um mirante localizado numa pedreira a 65 metros de altura. De lá, é possível se observar o pôr do sol, um dos mais bonitos da cidade.



Parque das Pedreiras

Entre lagos, vegetação típica e cascatas, o parque abriga dois espaços pra shows e espetáculos que orgulham os curitibanos. Um deles é a Ópera de Arame, uma estrutura tubular e de teto transparente que é um dos símbolos da cidade. O outro é o Espaço Cultural Paulo Leminski, um palco ao ar livre que pode abrigar até 20 mil pessoas.


Centro Histórico

Morar nos Centro e nos arredores significa ter contato com uma excelente estrutura de comércio e serviços. Local onde cidade começou oficialmente, o Centro Histórico guarda muito dos pontos tradicionais. E atualmente é também uma região repleta de bares, restaurantes e lojas.

Praça Tiradentes

Abriga os dois monumentos que simbolizam a o início da existência oficial da cidade de Curitiba: o Monolito de Fundação e o Marco Zero.

Largo da Ordem

Próximo da praça, é considerado o local onde tudo começou. Foi nas ruas de pedra do local que nasceu a Vila de Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, no final do século XVII. Um século depois, a vila ganharia o nome de Curitiba.

Memorial de Curitiba

Idealizado para as comemorações dos 300 anos da cidade e inaugurado em 1996. É um espaço moderno, concebido pra abrigar atividades culturais múltiplas, incluindo exposições e apresentações cênicas e musicais. E também pra preservar e expor a história da cidade.

Igrejas

Nos arredores do Largo da Ordem e da Praça Tiradentes também é possível visitar algumas das principais igrejas da cidade. Entre elas estão a Ordem Terceira de São Francisco de Chagas, chamada pelos moradores de Igreja da Ordem. E também a Nossa Senhora do Rosário de São Benedito.
Museu Oscar Niemeyer

Assim como em algumas das cidades do Brasil, Curitiba também tem seu espaço projetado por Oscar Niemeyer. Conhecido como MON e também como Museu do Olho, é um dos pontos mais célebres da Capital Paranaense. Está localizado no bairro Centro Cívico.



Inaugurado em 2002, o complexo de dois prédios está instalado numa área de 35 mil metros quadrados. No total, são 12 salas de exposição, onde são realizadas mostras nacionais, internacionais e itinerantes.
Cervejarias

De alguns anos pra cá, o movimento das cervejarias artesanais tem revolucionado o mercado e mudado o paladar do brasileiro. E Curitiba é uma das cidades que encabeçam essa revolução cervejeiras, com diversas marcas já famosas em todo o país.

Muitas fábricas da cidade oferecem visitação. E entre as principais marcas curitibanas estão Bodebrown, Gauden, Way Beer, BierHoff, DUM, F#%*ing Beer, Insana, Klein, Morada, Pagan, entre outras.



Noite curitibana

Além dos bares especializados em cervejas, a Capital Paranaense tem alguns pólos de diversão noturna. Nos arredores do bairro Batel estão os bares e casas noturnas pra quem gosta de um clima mais chique e sofisticado.

Indo mais pro Centro e pro bairro São Francisco estão as opções mais descoladas e alternativas, especialmente nos arredores do Largo da Ordem.